Pregações

Mini-Sermão(05/08/2017)

em 05 de agosto de 2017 por Pe Joaozinho, scp

Pense duas vezes antes de falar. A palavra precipitada é como pedra jogada para o alto que cairá sobre sua própria cabeça. Lembre-se da pressa com que Herodes prometeu um presente, metade de seu reino, para aquela bela dançarina e ela pediu a cabeça de João Batista. E o nome de Herodes ficou escrito na história da humanidade como o tolo que falou rápido demais e colheu lágrimas, sangue, sofrimento, a morte de um dos maiores profetas da humanidade. Uma morte banal. Quantas vezes falamos rápido demais, nos precipitamos em dizer aquela palavra e não há mais como recolher. Por isso, é bom pensar antes de falar. (Mt 14,1-12) Pe. Joãozinho, scj.

Leia mais →

Mini- Sermão

em 31 de julho de 2017 por Pe Joaozinho, scp

Sempre podemos crescer, evoluir, amadurecer. Não somos feitos de pedra. Nossa vida é dinâmica e surpreendente. Às vezes entramos numa espécie de tempo comum, uma zona de conforto e achamos que nada mais pode mudar, chegamos aonde chegamos, não vamos nos converter mais. Isso é uma tremenda bobagem, não acredite nisso, não se transforme numa pedra. Você é humano, nós somos criados para o desenvolvimento, para crescer como uma árvore, para desabrochar e cada idade traz suas surpresas, prepare-se para ser surpreendido sempre, por uma nova fase em sua vida. (Mt 13,31-35) Pe. Joãozinho, scj.

Leia mais →

Mini- Sermão

em 24 de julho de 2017 por Pe Joaozinho, scp

Cuidado para não espetacularizar a fé; milagres não são shows de magia; são ações generosas e gratuitas de Deus. Os mestres da lei se aproximaram de Jesus e pediram um milagre. Disseram até mesmo: "Se fizeres este milagre, acreditaremos em Ti." Era um jogo e o milagre não é moeda de troca, não é uma resposta providente de um Deus que recebeu algum tipo de benefício, como por exemplo uma prece, ou um louvor, ou um sacrifício. Toda resposta de Deus é gratuita, o amor Dele não tem preço. Por isso, quando transformamos a fé em um espetáculo, caímos na troca e matamos a lógica da graça... e o nosso Deus é cheio de graça. (Mt 12,38-42) Pe. Joãozinho, Scj

Leia mais →

Mini- Sermão ( 10/ 07/2017)

em 10 de julho de 2017 por Pe Joaozinho, scp

Um toque de fé pode mudar toda a nossa vida; queremos tocar em Deus, mas na verdade é Deus quem toca em nós. Aquela mulher, que tinha uma doença de hemorragia, foi por trás de Jesus pensando: "Ninguém vai perceber e eu vou tocar na orla do Seu manto e serei curada." Jesus percebeu, porque na verdade, foi Ele quem tocou ela. Nós queremos tocar em Deus, tocar no sagrado, mas na verdade é Deus quem toca em nós por Sua graça. A fé é a capacidade que Deus nos dá de tocar Nele, mas o verdadeiro toque é o da graça, mesmo quando não percebemos Deus está tocando em nós. (Mt 9,18-26) Pe. Joãozinho.

Leia mais →

Mini- Sermão

em 03 de julho de 2017 por Pe Joaozinho, scp

A fé passa pela experiência; somos humanos e precisamos do toque, da imagem, da sensação para chegar a Deus. Seria tão bom se fôssemos anjos; se fôssemos criaturas puramente espirituais; que tivéssemos uma fé total, uma visão absoluta, sem a necessidade de tocar o Senhor como Tomé, ou como aquela mulher hemorroíssa que tomou a orla do seu manto, ou como a samaritana, ou como tantas pessoas que tocaram em Jesus e Ele deixou-se tocar. Essa experiência espiritual é legítima, não há problema, o Senhor permite que nós O toquemos, e Ele também quer tocar em cada um de nós. (Jo 20,24-29) Pe. Joãozinho, Scj

Leia mais →

Mini-Sermão (26/06/2017)

em 26 de junho de 2017 por Pe Joaozinho, scp

Não precisamos cair no narcisismo da autorreferencialidade, mas é muito importante "se enxergar" nos espelhos da vida. Como dizia Jesus: "Não fique preocupado em tirar o cisco do olho do irmão, antes, retire a trave que está no teu olho. "Às vezes o nosso olho não enxerga quem nós mesmos somos, nossos próprios defeitos. Às vezes nos falta uma espécie de desconfiômetro para perceber o lugar em que estamos e nos situar no mundo, na história, na sociedade. Para enxergar os outros é preciso enxergar a nós mesmos e, talvez, o melhor lugar para enxergar a nós mesmos, seja no brilho do olhar do outro. Olho no olho. (Mt 7,1-5?) Pe. Joãozinho, scj.

Leia mais →

Mini-Sermão (24/06/2017)

em 24 de junho de 2017 por Pe Joaozinho, scp

Cada nome tem um significado, mas o bom mesmo é ressignificar o nosso nome vivendo nossa identidade, como aconteceu com João Batista; seu pai, Zacarias, que estava mudo, pediu uma tabuínha e escreveu: "O nome vai ser João!" Os parentes diziam: "Mas não há ninguém na sua família que se chame João." E ele insistiu: "O nome vai ser João! Que significa graça de Deus, misericórdia de Deus." De fato João foi um instrumento da graça e da misericórdia. Mas se tornou o maior dos profetas e aquele que teve a graça de batizar o Messias, ele foi o precursor. E então esse homem agraciado ressignificou o nome de João e quando ouvimos falar "João" lembramos de João Batista. (Lc 1,57-66) Pe. Joãozinho, scj.

Leia mais →

Dica

Use o filtro e encontre a pregação desejada.

MISSA AO VIVO

PRÓXIMA MISSA COMEÇA EM:

00:00:00