Mini-Sermão (11/08/2017)



O amor é uma força vital que, como toda energia, depende de dois polos: o positivo da luz e o negativo da cruz. O amor verdadeiro precisa da dor, porque amar dói. O amor não é uma linguagem, não é simplesmente uma paixão; o amor é uma força de doação, é uma energia que nos equilibra, nos integra, nós somos feitos de amor porque Deus é amor. Jesus disse que se alguém quer amar, deve dar a sua vida; se alguém não aceita a cruz, não terá a luz. Se alguém quer ganhar o mundo, deve aceitar perder a sua vida. Esta dinâmica, aparentemente contraditória, positiva e negativa, faz acender a luz do amor. (Mt 16,24-28) Pe. Joãozinho, scj.

MISSA AO VIVO

PRÓXIMA MISSA COMEÇA EM:

00:00:00